Não há produtos no carrinho.
santiago calatrava

Biografia e obras de Santiago Calatrava: o arquiteto do Museu do Amanhã

Controverso e original, Santiago Calatrava é um dos arquitetos mais brilhantes da atualidade. Combinando complexidade, tecnologia e elementos com forte inspiração orgânica, a presença visual de seu trabalho e a sua genialidade são inquestionáveis.

Quer conhecer a biografia e as obras de Santiago Calatrava? É só ler este post até o fim!

Biografia de Santiago Calatrava

Nascido em 1951 na costa do mediterrâneo, em Valência, na Espanha, Santiago Calatrava forma-se em Arquitetura em 1974 em uma instituição de sua cidade natal. Lá, o arquiteto também estuda Urbanismo e Belas Artes. 

Com o conhecimento como palavra de ordem, o espanhol segue seus estudos. No entanto, agora o assunto é Engenharia Civil e o lugar é outro: Suíça. Assim, licencia-se nesse campo, em 1979, e conquista seu doutorado poucos anos depois, em 1981.  

Em seguida, Santiago Calatrava abre seu escritório de arquitetura. No início, é chamado para realizar pequenos trabalhos. Porém, seu conhecimento, talento e criatividade são tão visíveis que ele é logo convidado para trabalhar em projetos grandiosos. Isso acontece após ele vencer um importante concurso para a construção de uma nova estação ferroviária em Zurique, cidade onde vive.

Logo, nas décadas de 1980 e 1990, seu trabalho ganha fama e reputação. Faz isso ao aliar seus conhecimentos em engenharia e arquitetura, apresentando diversos projetos de construção de pontes. Essas obras atraem a atenção de profissionais importantes dos Estados Unidos. O interesse e o reconhecimento acontecem e, assim, ele conquista emblemáticos prêmios em sua jornada.

Em 1993, o Museu de Arte Moderna de Nova York realiza uma mostra que expõe seus trabalhos. Assim, como uma consequência natural de seu reconhecimento, recebe prêmios e medalhas que homenageiam o seu trabalho de forma sublime. Logo, com originalidade e singularidade, realiza trabalhos diferenciados não só na Europa, mas em vários outros lugares do mundo.

Se você é fã de trabalhos arquitetônicos repletos de brilhantismo, não pode deixar de conferir: “Daniel Libeskind: o desconstrutivista que provoca e emociona”

Estilo de Santiago Calatrava

Perfeccionista e com uma habilidade artística inegável, Santiago Calatrava é famoso por suas obras que misturam diversidade complexa com formas orgânicas. Assim, seu trabalho já foi comparado com o de um dos mais geniais arquitetos da história: Antoni Gaudí.

Conhecido como um expoente da arquitetura contemporânea, o trabalho de Santiago Calatrava desafia o óbvio, ao mesclar técnica, inspiração de elementos distintos da natureza (como esqueletos, formações botânicas e asas) e surrealismo. Com visão excêntrica e repleta de genialidade e vanguarda, o repertório do arquiteto conta com projetos muito bem executados e com refinados acabamentos.

Além dessas características, o espanhol faz uso constante de programas de computador para tornar suas obras exatas e perfeitas. Assim, seu trabalho é conhecido como “arquitetura espetáculo” por encantar e surpreender seus espectadores, por meio de construções que contam com assimetria e estrutura.

“A tecnologia é um elemento importante… Sempre há progresso no uso da tecnologia e é aí que a inovação começa”. 

Gosta de biografias? Então, leia também: “Lina Bo Bardi: biografia e legado da arquiteta que projetou o MASP”.

Obras de Santiago Calatrava

Ao longo de sua carreira, Santiago Calatrava foi o autor de diversos projetos emblemáticos. Conheça agora algumas de suas obras.

 1. Ponte da Mulher

Construída entre 1998 e 2001, “Ponte da Mulher” foi a primeira obra do arquiteto Santiago Calatrava na América Latina

Localizada em Buenos Aires, na Argentina, sua estrutura tem o aço como material principal e seu desenho remete a um casal dançando tango.

arquiteto santiago calatrava

Crédito: Wikipédia

2. Gare do Oriente

Finalizada em 1998, “Gare do Oriente” é uma das estações ferroviárias mais importantes de Portugal. Localizada em Lisboa, essa obra apresenta uma complexidade estrutural que chama a atenção e também conta com um design bastante inovador.

santiago calatrava biografia

 Crédito: Wikipédia

3. Cidade das Artes e das Ciências

De Calatrava e Félix Candela, esse projeto foi inaugurado em 1998 e localiza-se em Valência, na Espanha. Trata-se de uma obra ambiciosa, pois engloba um complexo arquitetônico formado por oito edifícios que apresentam características diferentes e singulares.

santiago calatrava obras

 Crédito: Wikipédia

 4. Turning Torso

Considerada uma das obras mais emblemáticas de Santiago Calatrava, “Turning Torso” é um arranha-céu que tem como alicerce principal o mármore em formato de escultura. Localizada em Malmö, na Suécia, essa construção foi inaugurada em 2005 e apresenta ângulos diversos e uma estrutura bastante complexa.

turning torso santiago calatrava

Crédito: Design Buildings

5. Museu do Amanhã

O “Museu do Amanhã”, de Santiago Calatrava, está localizado no Rio de Janeiro e hoje é um dos pontos turísticos mais visitados da cidade.

Com a proposta de revitalizar e estimular a identidade cultural da cidade maravilhosa, essa obra foi inaugurada em 2015 e conta com a utilização de elementos naturais do local. Para criá-la, o arquiteto teve como fonte de inspiração as bromélias do Jardim Botânico da cidade.

museu do amanhã santiago calatrava

Crédito: Wikipédia

6. Estação PATH

Inaugurada em 2016 e localizada em Nova York, nos Estados Unidos, a “Estação PATH” conta com um salão em formato oval, conhecido como Oculus. Com a proposta de simbolizar uma ave abrindo suas asas, esse projeto foi considerado um dos mais caros do mundo.

estação path santiago calatrava

 Crédito: Dezzen

Quanta genialidade Santiago Calatrava apresenta por meio de obras que combinam arte e arquitetura, não é mesmo? É por isso que a Laart produz esse tipo de conteúdo, para que você consiga perceber a sincronia entre campos que se complementam.

Especializada em gravuras exclusivas de artistas renomados do circuito brasileiro e latino-americano, a Laart é uma galeria de arte virtual que conta com mais de 15.000 peças em seu acervo.

Ao adquirir uma gravura na Laart, você tem:

  • exclusividade: somente obras de edições limitadas e assinadas pelos artistas;
  • praticidade: você pode comprar uma peça sem sair de casa;
  • variedade: há gravuras dos mais variados estilos, épocas e técnicas.

Ficou curioso? Então, clique aqui e conheça essas gravuras exclusivas

Crédito da foto de capa: The Guardian

Compartilhar com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *