Não há produtos no carrinho.
grupo rex

Grupo Rex: obras e artistas que marcaram a história da arte 

Alguns movimentos e associações não precisam de muito tempo para marcar a história. Esse foi o caso do Grupo Rex, um conjunto formado por artistas com uma existência breve, porém emblemática. 

Formado pelos artistas plásticos Nelson Leirner, Wesley Duke Lee, Geraldo de Barros, José Resende, Frederico Nasser e Carlos Fajardo, esse coletivo criticava o circuito artístico de modo irônico e irreverente. 

Assim, os artistas do Grupo Rex contestavam a comercialização de obras e o papel da arte no Brasil. Faziam isso por meio de peças, festas, exposições, palestras, manifestos e performances. 

Baseado em uma estética contestadora, fora do usual e que valorizava questões como o choque e o escândalo para chamar a atenção para a sua causa, o coletivo teve como narrativa e fonte de inspiração o dadaísmo, a pop art e a arte conceitual de Marcel Duchamp.

Porém, não se ateve apenas a essas correntes, já que também foi influenciado pelas características da nova figuração e do novo realismo. 

Quer saber mais sobre o Grupo Rex e conhecer suas obras e artistas? É só seguir com sua leitura! 

Grupo Rex: conheça um pouco a sua história

A história do Grupo Rex se funde e se confunde com a própria história de seus artistas. Afinal, o coletivo nasceu em 1966, em plena ditadura militar. Logo, para contestar a arte, cada artista do Grupo Rex trouxe um pouco de si e de sua visão para a sua fundação. 

Original de São Paulo, o coletivo mesclou vanguarda com bom-humor desde o primeiro momento. Afinal, Rex era o nome de um cão.  

O seu caráter inventivo também foi marcado pela chamada nova figuração, um desdobramento da pop art, que tinha como base a retomada da figura de forma livre, isto é, fora dos moldes realistas. 

Nesse contexto, vale destacar que a nova figuração se diferenciou da pop art americana por desempenhar um papel mais crítico. 

Em outras palavras, enquanto a pop art tinha como conceito a crítica à sociedade de massa, a nova figuração utilizava a estética desse movimento para realizar denúncias relacionadas ao momento político opressivo da ditadura. 

Desse modo, os artistas do Grupo Rex queriam, ao mesmo tempo, dialogar com o seu público, promover um debate reflexivo e também valorizar a diversão, e, assim, se expressavam com deboche e de modo anticonvencional. 

Além de exposições, a história do coletivo foi marcada pela criação de uma galeria de mesmo nome e de um jornal. Com a proposta de discutir a relação entre a arte e política, o Grupo Rex apresentou um forte caráter experimental baseado na quebra de paradigmas e das convenções. 

grupo rex obras

Crédito: Wesley Duke Lee

O tom de sátira e de ironia chamou a atenção logo de início, tanto que o primeiro exemplar do periódico Rex Time contou com a manchete: “AVISO: é a guerra”. Este título nada mais foi do que uma referência à luta contra o mercado da arte. 

Nesse sentido, os artistas do Grupo Rex estavam declarando uma guerra à comercialização descabida de obras de arte por parte das galerias pois, muitos delas, na opinião do coletivo, tratavam a arte como mercadoria. 

O fim do grupo aconteceu no final de 1967 por meio de uma apresentação de performance na arte. Nela, o provocador e irreverente Nelson Leirner declarou que todas suas obras poderiam retiradas das paredes. 

O efeito dessa declaração foi praticamente instantâneo pois, em menos de dez minutos, as pessoas levaram as peças e as venderam na porta do local. 

Segundo palavras da curadora Fernanda Lopes: “O Rex era mais uma atitude do que uma escola plástica”. Faz sentido, não é mesmo? 

Grupos Rex e seus artistas 

Confira agora quem foram os artistas do Grupo Rex.

1. Wesley Duke Lee

Foi um artista fundamental para o Grupo Rex. Ele ajudou a divulgar a experiência. Bastante influenciado pela pop art e pela publicidade, o artista foi um dos precursores da Nova Figuração no Brasil.

2. Geraldo de Barros 

Sua trajetória foi marcada pelo experimento contínuo. Bastante indagador sobre a ligação da arte com a sociedade, esse artista ficou conhecido como uma das personalidades mais importantes da corrente concretista no país. 

Geraldo de Barros buscava desconstruir suas imagens, criando outras em que as temáticas sociais se destacavam.

3. José Resende

Esse escultor brasileiro misturou a arte e a arquitetura em suas peças. Para tanto, explorou diferentes materiais, promovendo uma narrativa que mesclava a arte povera com o pós-minimalismo. 

Ele também foi um dos fundadores do Centro de Experimentação Artística Escola Brasil. 

4. Carlos Fajardo

É um artista paulista que, durante sua carreira, priorizou a relação do objeto e de sua relação com o indivíduo. 

Para ele, o espectador tem que ter uma consciência corporal para, assim, interagir com o ambiente de forma completa. 

Durante a trajetória do Grupo Rex, ele participou de uma mostra em que desenvolveu um cubo que engolia outro, assim como também publicou artigos no jornal do coletivo e organizou eventos. 

5. Frederico Nasser

Foi  um artista carioca que teve como base de trabalho o desenho. Experimental e sempre dialogando com o seu tempo, ele nunca se ateve a um só conceito de arte, o que mostra o caráter questionador e vanguardista do desenhista. 

6. Nelson Leirner

Polêmico e contestador, Nelson Leirner foi um artista que ousou questionar o mundo da arte e suas relações de poder em uma época dominada pela censura e pelo autoritarismo, que foi a do regime militar. No entanto, apesar da censura constante, ele nunca se calou e nem desistiu de seus ideais. 

grupo rex artistas

Mapa. Crédito: Laart. Foto de Joca Meirelles

Para conhecer a trajetória icônica deste célebre artista, não deixe de ler: “Nelson Leirner: quem foi esse artista que abalou as estruturas do circuito artístico?”

Aproveite, também, para conferir suas obras no acervo

Grupo Rex: obras do coletivo

Conheça agora algumas obras do Grupo Rex. 

1. Composição

grupo rex

Crédito: Brasil Artes Enciclopédias 

2. Vidro latão e seda

grupo rex obras

Crédito: Brasil Artes Enciclopédias 

3. O guardião, a guarda, as circunstâncias

grupo rex artistas

Crédito: IG

4. Neutral 

grupo rex

Crédito: Wikipédia 

Neste post, você conheceu a história do Grupo Rex, suas obras e artistas. A Laart respeita muito a trajetória desse coletivo e reconhece a sua importância no circuito das artes. 

Promovendo o trabalho de artistas brasileiros e latino-americanos, a Laart é uma galeria de arte online que tem como foco as gravuras. 

Em seu acervo, há diversas obras de arte assinadas e com certificado de autenticidade, inclusive do mestre Nelson Leirner. 

Que tal conhecer agora algumas dessas peças especiais e exclusivas? Para isso, você só precisa acessar este link. 

Crédito da foto de capa: Coleção Livro de Artista

Compartilhar com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *