Não há produtos no carrinho.
gravuras famosas

Descubra 10 gravuras famosas criadas nos últimos 300 anos

A técnica da gravura é repleta de propostas conceituais e apresenta uma estética bem interessante. Por ser intimista, exige tempo e dedicação de quem a cria e um olhar aguçado de quem a admira.

Você é um deles? Leia este artigo até o fim e você conhecerá uma série de gravuras famosas e saberá a quais artistas elas pertencem.

Como começou a técnica da gravura?

De modo geral, a gravura existe desde a antiguidade em todas as culturas. Pode-se dizer que ela nasceu na caverna do homem de pedra, avançando em tempos pré-históricos, e evoluindo no Egito, ao decorar palácios e templos dedicados a deuses. Já no mundo ocidental, essa arte surgiu no século XIV, sendo a xilogravura a única forma de gravação da época.

Foi, no entanto, a partir do século XV que essa arte ganhou destaque, uma vez que, nesse período, ela foi amplamente empregada para divulgar imagens religiosas. No século seguinte, o século da reforma, os reformistas Lutero e Calvino utilizaram as gravuras para divulgar suas ideias.

A técnica também começou a ser empregada para documentar as descobertas que a Europa fazia no Novo Mundo. E, foi nesse cenário, que surgiu o maior artista gráfico do renascimento. Quer descobrir quem foi ele?  Então, continue lendo!

Gravadores e suas gravuras

Albrecht Dürer e “Adão e Eva”

Considerado o maior artista gráfico do renascimento Albrecht Dürer (1471-1528) contribuiu muito para elevar a qualidade da produção de gravuras, ajudando a definir melhor as imagens e a aumentar a durabilidade e resistência delas.

Entre as mais famosas gravuras do artista, encontra-se “Adão e Eva” (1504), arte em que ele seguiu o estilo utilizado na antiguidade clássica, revelando o seu profundo interesse pelas proporções do corpo humano.

Essa peça foi inspirada nas esculturas de Apollo de Belvedere e Vênus, e foi feita com linhas delicadas e diferentes variedades de texturas e tons.

gravuras famosas albrecht dürerCrédito: Jornal Grande Bahia

Rembrandt e “Cristo Pregando”

O famoso pintor Rembrandt (1606-1669) também se revelou em sua época como um grande inovador na arte da gravura, devido à alta qualidade de seus trabalhos. Por meio dessa técnica, o artista ficou conhecido pelo uso da água-forte e do buril.

A mais famosa gravura desse pintor é “Cristo Pregando”, obra que ficou bastante popular no século XVII. Essa arte apresenta a imagem de Jesus falando a um grupo de seguidores, e ficou marcada por ser a gravura preferida do artista.

gravuras famosas rembrandtCrédito: Veja Rio

Conheça mais um pouco sobre as diferentes técnicas de gravura em nosso post: “O que é gravura em metal e seus diferentes tipos de técnicas”.

Goya e “Los Caprichos”

A partir do século XVIII, gravuras com caricaturas satíricas com teor político e social começaram a ter destaque. Nesse cenário, Francisco de Goya (1746-1828), um dos grandes mestres da pintura espanhola, despontou.

Com “Los Caprichos”, o célebre artista fez uma envolvente representação satírica da sociedade espanhola da época, por meio de 80 gravuras. Aplicando uma técnica que combinava água-forte, água-tinta e ponta seca, Goya demonstrou, de maneira exagerada, fisionomias que retratavam os vícios humanos.

gravuras famosas goyaCrédito: Wikipédia

Doré e “A Divina Comédia”

Depois da descoberta da gravura em metal, a xilogravura ganhou destaque e passou a ser amplamente usada. Nesse cenário, o pintor francês Gustave Doré (1832 -1883) foi um dos mais emblemáticos.

Considerado um dos mais bem-sucedidos ilustradores de livros de sua época e conhecido como “O Mestre da Ilustração em Xilogravura”, o artista realizou, com riqueza de detalhes e elevada precisão, a obra “A Divina Comédia” (1861-1868), de Dante Alighieri.

gravuras de pintores famosos doréCrédito: Pixels

Picasso e “Jacqueline au Bandeau de Face”

Já no século XX, por volta de 1920, a impressão em linóleo foi desenvolvida, técnica adotada por Pablo Picasso (1881-1973), o memorável pintor espanhol e um dos artistas mais revolucionários das artes plásticas.

Responsável por avanços na arte da gravura, Picasso ficou conhecido por dominar, habilmente, diversas técnicas como água-forte, água-tinta, ponta-seca, litogravura e gravura sobre linóleo colorido.

“Jacqueline au Bandeau de Face” é uma de suas gravuras mais famosas. Feita em linóleo em 1954, essa complexa arte retrata a musa e segunda mulher do artista, a francesa Jacqueline Roque.

gravuras famosas picassoCrédito: Christopher Clark Fine Art

A gravura no Brasil

Como a imprensa foi proibida no Brasil colonial, a história oficial da gravura no país começou, pode-se assim dizer, em 1808, com a chegada da família real. No entanto, há indícios de que a xilogravura já estivesse sendo utilizada antes desse período no nordeste.

Em seguida, além da xilogravura, a litografia e a gravura em metal começaram a marcar presença e, a partir do século XX, alguns artistas brasileiros começaram a trabalhar com essas técnicas. Conheça, a seguir, alguns gravadores famosos brasileiros e suas brilhantes obras.

Gravuras famosas de pintores brasileiros

Lívio Abramo e “Mulata”

O desenhista, pintor e gravador Lívio Abramo (1903-1992) foi um pintor brasileiro de renome internacional. Suas primeiras gravuras tiveram início em 1926, quando, bastante influenciado por temas humanos e sociais do expressionismo europeu, introduziu no Brasil a gravura moderna.

A faceta expressionista de Abramo apresenta figuras com cores contrastantes e pinceladas fortes. Feita em 1954, “Mulata” é uma das gravuras desse pintor famoso.

gravuras famosas lívio abramoCrédito: Enciclopédia Itaú Cultural

Alfredo Volpi e “Bandeirinhas”

Alfredo Volpi (1896-1988), um dos artistas mais populares do Brasil, foi influenciado por pintores clássicos e impressionistas, mas criou sua própria linguagem, evoluindo dos retratos da natureza para as representações repletas de cores, abstratismo e geometria.

Conhecido como “Mestre das Bandeirinhas”, Volpi não fazia uso de tintas industriais, produzia suas próprias. O artista deixou um número bem grande de gravuras no mercado e elas são um ótimo investimento para quem deseja ter uma obra de arte em casa, no escritório ou no ateliê.

Feita em serigrafia, “Bandeirinhas” é uma das gravuras mais famosas de Volpi. Para conhecer essa e outras artes desse artista, é só clicar aqui.

gravuras famosas alfredo volpiCrédito: Laart. Foto de Joca Meirelles

Flávio de Carvalho e “Gravura em Metal I”

Flávio de Carvalho (1899-1973) foi um artista brasileiro bastante versátil, pois assumiu diferentes papéis em sua vida, atuando como arquiteto, artista plástico, escritor e pintor. Com um estilo bastante particular, Flávio de Carvalho misturava e fundia estilos.

Polêmico e inovador, o artista tinha traços surrealistas e cubistas, além do estilo expressionista, bastante presente em suas gravuras. Graças à sua perfeição técnica, Flávio de Carvalho recebeu diversos prêmios e menções honrosas.

De 1972, “Gravura em Metal I” é uma das grandes obras do artista. Essa gravura faz parte do acervo da Laart. Para saber mais sobre ela e conhecer outras peças de Flávio de Carvalho, basta clicar aqui.

gravuras de pintores famosos flávio de carvalhoCrédito: Laart. Foto de Joca Meirelles

Hércules Barsotti e “Neoconcreta II”

Pintor, desenhista, programador visual e gravador, Hércules Barsotti (1914-2010) ficou conhecido por explorar bem as cores e utilizar formatos de quadros pouco comuns, como circunferências, losangos e pentágonos. Famoso por seu trabalho concretista, suas obras refletem modernidade e bom gosto.

A citação seguinte demonstra bem a alma desse artista:

“Quando encosto uma cor na outra é que percebo a relação entre elas; nesse momento, é meu olho e não minha cabeça que decide”.

As gravuras de Barsotti hipnotizam seus admiradores, apresentando a ilusão da tridimensionalidade. Outro material acrescentado em sua arte é a areia que, juntamente com a saturação de cores, revela planos e volumes virtuais.

“Neoconcreta II” é uma das gravuras desse pintor famoso e está no acervo da Laart!

gravuras famosas hércules barsottiCrédito: Laart. Foto de Joca Meirelles

Para saber mais sobre essa e outras gravuras de Barsotti, entre aqui.

Paulo Pasta

O pintor, desenhista, ilustrador e professor Paulo Pasta (1959) é também outro representante relevante da história da arte brasileira.

A gravura elaborada por Paulo Pasta estabelece estreita relação com os trabalhos de pintura do artista. “Serigrafia I” é um forte exemplo da elevada qualidade técnica de Pasta.

gravuras famosas paulo pastaCrédito: Laart. Foto de Joca Meirelles

No acervo da Laart há essa e muitas outras gravuras desse pintor famoso. Clique aqui e conheça algumas delas.

Gostou de conhecer mais sobre as gravuras famosas desses grandes artistas? Conte para a gente nos comentários qual é a sua favorita. E se você é, assim como a gente, fã de arte, saiba que a Laart possui um grande acervo com gravuras dos mais variados e renomados artistas latino-americanos. Clique aqui para descobrir essas incríveis obras de arte e navegar em nossa galeria online!

Crédito da foto de capa: Laart. Foto de Joca Meirelles.

Compartilhar com

Comments (2)

  • Amigos poderia me informar se há algum endereço eletrônico para informar sobre gravuras pois as tenho e algumas são assinaturas ilegível ou desconhecido por mim. Grata Dilma Guimarães.

    Dilma Guimarães.
    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *