arte naïf

Arte naïf brasileira: características e principais artistas nacionais

Mesclando ingenuidade, espontaneidade e pureza, a arte naïf brasileira ficou marcada por suas características singulares, com uma forma instintiva de criar feita por artistas autodidatas e amadores.

Com liberdade e sem amarras, os artistas desse movimento produziram trabalhos com estética e estilo próprios. Logo, elaboraram peças repletas de cor e simplicidade, retratando o espírito livre da criação. Assim, não se atrelaram a conceitos preestabelecidos ou a técnicas de elevada precisão. 

Quer saber mais sobre a arte naïf brasileira? Continue lendo e conheça as principais características desse movimento, os artistas que se destacaram e algumas de suas obras.

Arte naïf no Brasil: características

A arte naïf no Brasil e no mundo é caracterizada pela perspectiva pura e simples de seus artistas em relação ao mundo e também pela liberdade de criação. Ou seja, para produzirem seus trabalhos, os artistas contavam com suas próprias experiências e talento inato. Assim, não se preocupavam com técnicas elaboradas, nem com as formas convencionais de composição ou com o tradicionalismo das cores. 

Algumas das características mais marcantes da arte naïf no Brasil são: 

  • uso de cores brilhantes e alegres;
  • a falta de vínculo em retratar a realidade de modo fiel;
  • o desconhecimento de técnicas convencionais;
  • o detalhamento dos cenários;
  • o instinto para criar;
  • a falta de perspectiva; 
  • a espontaneidade dos traços;
  • a tendência à simetria;
  • a composição plana;
  • a falta de acabamento;
  • a ausência de sofisticação;
  • a expressão de infantilidade e felicidade; 
  • artistas amadores ou autodidatas.

Se, para muitos, a arte naïf brasileira apenas representa tudo o que há de mais infantil e primitivo, para outros, trata-se de um estilo original. Afinal, por meio dele, os artistas criam de modo instintivo e com a alma. 

Assim, pelo fato de muitos dos artistas da arte naïf do Brasil transportarem para suas obras suas experiências individuais, esse estilo também conta com fortes elementos da tradição popular e do folclore. 

Arte naïf: principais artistas brasileiros

Entre os principais artistas brasileiros da arte naïf destacamos alguns nomes e suas obras:

1.Antônio Poteiro (1925-2010)

Português de nascimento, Antônio Poteiro radicou-se no Brasil em 1926. Sua carreira nas artes começou como ceramista e assim explorou essa área até se tornar pintor.  Com pinceladas marcadas por tons vibrantes e fazendo uso do detalhamento em suas peças, seus trabalhos refletem a cultura nacional, com peças que retratam o Carnaval e o futebol, entre outros temas típicos de nosso país. 

Antônio Poteiro se destacou entre os principais artistas de arte naïf do Brasil. A gravura abaixo exibe bem as características do artista. Incrível, não? Pois ela faz parte do acervo da Laart! Clique aqui e saiba tudo sobre ela. 

arte naïf no brasil

Crédito: Laart. Foto de Joca Meirelles

2. Djanira da Motta e Silva (1914-1979)

Djanira foi outra representante emblemática da arte naïf brasileira. Da vida carioca às atividades da vida rural, suas obras mesclam religiosidade, o cotidiano e as paisagens brasileiras. 

De acordo com Jorge Amado:

“Sendo uma das grandes pintoras de nossa terra, ela é mais do que isso, é a própria terra, o chão onde crescem as plantações, o terreiro da macumba, as máquinas de fiação, o homem resistindo à miséria. Cada uma de suas telas é um pouco do Brasil.”

arte naïf no brasil

Crédito: ebiografia

Gosta de pintura? Então, não deixe de ler: “Pintores mais famosos do mundo: quem são e quais são seus quadros mais conhecidos?”

3. Emídio de Souza (1868-1949)

Emídio de Souza, natural de Itanhaém, litoral de São Paulo, é considerado o primeiro pintor arte naïf brasileira. Além de pintor, foi músico, poeta, folclorista, teatrólogo e professor.

Bastante instintivo, seu estilo como artista naïf ficou conhecido pela ingenuidade, pureza, poesia e primitivismo. Logo, entre as décadas de 1930 e 1940, seu nome ganhou fama e, assim, sua trajetória relevante marcou a história da arte brasileira. 

arte naïf brasileira

Crédito: Enciclopédia Itaú Cultural 

4. Heitor dos Prazeres

O carioca Heitor dos Prazeres, além de pintor, foi um sambista que marcou a história da música com seu estilo único. Por meio de suas pinturas de arte naïf, a cultura popular do Rio foi expressa com alegria, inspiração e com cenas de dança e música. 

artistas naïf brasileiros

Crédito: História das Artes

Leia também: “A história da Xilogravura de cordel: o papel da técnica na essência da arte”

5. Mestre Vitalino (1909-1963)

Vitalino Pereira da Silva, mais conhecido como Mestre Vitalino, foi um outro representante importante da arte naïf regional brasileira. Sua vocação para a arte iniciou quando criança. Assim, começou a modelar figuras de barro em cerâmica. Por meio delas, representou fatos do Nordeste e pessoas que faziam parte de seu cotidiano. 

pintura naïf brasileira

 Crédito: Portal Cabo 

6. Wilma Ramos (1940-2009)

Wilma Ramos também se destacou como uma das principais artistas de arte naïf do Brasil. A sua carreira como pintora se iniciou quando ainda era adolescente. Assim, com trabalhos expostos na Praça da República, em São Paulo, ganhou fama e, aos poucos, reconhecimento. 

Logo, suas peças repletas de regionalismo e de festas religiosas e baianas atravessaram o oceano, sendo exibidas em diversos países, como Itália, Espanha e Inglaterra. 

arte naïf regional brasileira

Crédito: Gina Gallery 

Museus de arte naïf do brasil

Se você gosta da arte naïf, a dica é: há museus de arte naïf no Brasil bastante interessantes para visitar. São eles:

  1. Museu Internacional de Arte Naïf: fundado em 1955, no bairro do Cosme Velho, zona sul do Rio de Janeiro. O local conta com quase 10 mil quadros de artistas de 130 países;
  2. Instituto Antônio Poteiro: fundado em 2011, em Goiás, preserva a história e a obra deste artista plástico.

Que estilo único e original é a arte naïf, não é mesmo? Sabe o que também é original? O acervo da Laart! Clique aqui e tenha acesso exclusivo a peças de arte naïf brasileira! Todas têm tiragem limitada e contam com certificado de autenticidade

Crédito da foto de capa: Laart. Foto de Joca Meirelles.

Share with

Comments

  • Sou artista Naif , mineira radicada em Goiânia , gostei muito desse site. Tenho obras no Museu Internacional de Arte Naif MIAN-hoje fechado infelizmente. Tb no Instituto Antônio POTEIRO de quem fui amiga e hoje amiga da família dele. Parabéns

    Helena Vasconcelos
    Responder

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Start typing and press Enter to search

Shopping Cart
Não há produtos no carrinho.