Não há produtos no carrinho.
arquitetura minimalista

Arquitetura minimalista: conceito, arquitetos e características [guia completo] 

Considerada uma grande tendência nos últimos tempos, a arquitetura minimalista é caracterizada pelo uso de poucos elementos, design simples e formas geométricas. 

Com inspiração cubista, a arquitetura minimalista sofreu forte influência de nomes como De Stijl e Bauhaus. Na concepção de mestres da arquitetura, como Ludwig Mies van der Rohe, a arquitetura minimalista valoriza ao máximo a simplicidade e a sofistacação. 

Quer saber tudo sobre o assunto? Então, leia este artigo até o fim!

Arquitetura minimalista e suas características

No decorrer dos anos, o minimalismo tornou-se bastante popular tanto como estilo de vida como conceito de design.

Com o objetivo de representar um design de alto padrão, a arquitetura minimalista se baseia na simplicidade dos elementos, valorizando esse conceito tanto na forma como no espaço e nas cores.

 Entre as principais características do minimalismo na arquitetura destacam-se:

  • Iluminação natural;
  • simplicidade dos espaços;
  • estruturas limpas;
  • pouca ornamentação;
  • formas geométricas simples;
  • uso de materiais para dar personalidade e gerar interesse visual;
  • o conceito de “less is more”.

O que é arquitetura minimalista?

Originado no século XX, o minimalismo é um movimento que não abrange só a arquitetura, mas também a arte e o design, assim como não deixa de ser um estilo de vida.

Valorizando o vazio dos espaços, a simplicidade e a limpeza estética, a arquitetura minimalista foi inspirada nos movimentos do cubismo de De Stijl e Bauhaus da década de 1920. 

O movimento de Stijl, por exemplo, que significa “O Estilo”, prestigiava a simplicidade e a abstração. Com o objetivo de enaltecer a formas e as cores essenciais, nomes emblemáticos, como Theo Van Doesburg e Gerrit Rietveld, aplicaram esses princípios à arquitetura. Assim, criaram uma filosofia baseada em:

arquitetura minimalista

Crédito: Dezeen

Já o movimento Bauhaus se originou de uma escola de arte na Alemanha. Assim, promovia a produção em escala e a inclusão da tecnologia nas artes.

A abordagem de Bauhaus assemelhava-se muito como o movimento de De Stijl, compartilhando os princípios de:

  • simplicidade;
  • funcionalismo;
  • inovação no uso de materiais (vidro, madeira e aço);
  • formas reduzidas.

Foi em 1947 que a filosofia do estilo minimalista foi resumida arquiteto Ludwig Mies van der Rohe em sua clássica citação: “menos é mais”. Essa expressão faz referência à aplicação de formas geométricas simples e à sofisticação de obras compostas de aço e vidro.

Além de ser influenciada por Bauhaus e De Stijl, a arquitetura minimalista também apresenta forte conexão com a arquitetura tradicional japonesa. Afinal, o conceito do design tradicional japonês se concentra na remoção do que é supérfluo, valorizando a essencialidade dos elementos. 

Obras e arquitetos minimalistas

Retratando o auge das tendências reducionistas, o movimento minimalista surgiu em Nova York na década de 1950 como uma resposta ao estilo de vida consumista e comercial dos Estados Unidos. Logo, suas características também foram absorvidas pela arquitetura e pelo design.

Entre os nomes mais emblemáticos da arquitetura e design minimalista estão:

  • Frank Lloyd Wright;
  • Ludwig Mies Van der Rohe;
  • Philip Johnson;
  • Yasuhiro Yamashita;
  • Eero Saarinen;
  • Tadao Ando;
  • Ryue Nishizawa & Kazuyo Sejima;
  • I. M. Pei;
  • John Pawson;
  • Jean Nouvel;
  • Mario Botta;
  • Shigeru Ban;
  • Oscar Niemeyer;
  • David Chipperfield;
  • Alberto Campo Baeza, entre outros.

Entre os nomes acima, pelo menos um é bastante conhecido por você: Oscar Niemeyer. O arquiteto mais famoso do Brasil foi responsável por importantes obras arquitetônicas, incluindo Brasília. 

minimalismo na arquitetura

Crédito: ArchDaily

Além de croquis de suas construções, Niemeyer se dedicou à arte da gravura. Conheça o acervo do arquiteto e gravurista na galeria de arte online da Laart. 

estilo minimalista

Crédito: Wikimedia

o que é arquitetura minimalista

Fonte: Wikimedia

arquitetura minimalista características

Crédito: Wikipédia

Estilo minimalista

Em um mundo repleto de poluição visual, a arquitetura minimalista dá uma nova perspectiva a seus observadores.

Embora pareça um conceito simples, baseado no “menos é mais”, alcançar a excelência nesse estilo não é para qualquer um. Afinal, é preciso muita habilidade para produzir um trabalho simples e elegante, utilizando apenas elementos essenciais.

Se você é fã de arquitetura, design e arte, convidamos você a conhecer a Laart, uma galeria virtual com obras de grandes artistas latino-americanos. Somos especializados no comércio de gravuras originais, assinadas e de série de tiragem limitada. Acesse nosso acervo e navegue por centenas de obras. 

Compartilhar com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *